Podcrastinadores.S05E07 – Logan

Agora é a nossa vez de falar de um dos filmes de super-herói mais surpreendentes de todos os tempos: Logan.

Após 17 anos no papel de Wolverine, o ator Hugh Jackman se despede do papel em uma verdadeira obra-prima. Vamos destrinchar esse último filme, falar das referências com outros filmes e quadrinhos, e discutir o que deu certo e errado.

Na mesa com os Podcrastinadores Fernando Caruso, Gustavo Guimarães, Helvécio Parente e Tibério Velasquez estão os convidados Natália Kreuser e Carlos Voltor.

Ah, não deixe de comentar aqui no post: você acha que esse foi um final digno para a carreira do ator como Logan? Hugh Jackman deveria repensar sua decisão? Deve haver continuação pra esse filme ou deixar assim mesmo como ficou?


Links comentados nesse episódio:


Um agradecimento a todos que suportam os Podcrastinadores, especialmente aos nossos padrinhos Abner Oliveira, Adriano Cavalari, Alan Martins, Alan Tadini, Alberto Camilo, Alessandro Solari, Alexandre Böhm, Alexandre Cavalcanti, Alexandre Mendes, Alexandre Moraes, Andre Estrela, Anna Cruz, Beatriz Cunha, Bianca Ramos, Camila Gildo, Carolina Lindoso-Neet, Caio Luiz Daemon, Carlos Eduardo Valesi, César Albuquerque Lima, Diego Reis, Dierly Cordeiro, Eder Fabio Ribeiro, Eduarda Azevedo, Eduardo CanhaEduardo Starling, Eduardo Tomazett, Elieverson Santos, Emílio Mansur, Felipe Rodrigues, Felipe Zabin, Fernando Althof, Hugo Nanni, José Maria Leite, Juliano Ribeiro, Leandro Bezerra, Leandro Medeiros, Leonardo dos Santos, Leonardo Leão, Lionel Leal, Lisbino Carmo, Luis Alfredo Lopes, Luis Garavello, João Elias, Marcelo Petego, Marco Antonio Linares, Marcos Alves, Mario Rocha, Maximiliano Guzenski, Odirlei Fidelis, Otavio Oliveira, Pedro Paulo Pereira, Rafael Baldo, Ricardo Pires Ferreira, Rodrigo Dunley, Rogério Bittencourt, Rogério Manhães, Sérgio Salvador, Sidnei Santana, Thiago Cordeiro, Thiago Freire, Vitor Teixeira, Welyton Manoel, Willian Castro, Wilson Santos e Ygor Souza.

Ajude a manter o nosso podcast você também. Até com 1 real você ajuda a aliviar nossos custos fixos. Entenda melhor como ser nosso padrinho aqui, e tenha nossa gratidão eterna, além de alguns outros benefícios que você descobre clicando no link. 🙂


Participe você também escrevendo pra gente: [email protected]
Queremos saber quem é você que nos ouve: vá em facebook.com/podcrastinadores e mande seu Like lá.

  • Darth Paul Poor Traaais

    Então, o muito aguardado episódio sobre o “primeiro e último filme do Wolverine com o Hugh Jackman”.
    Como os membros do cast mencionaram, um filme para quem tem e quem não tem noção de todas as referências dos quadrinhos.

    Eu já tinha escrito uma resenha então vou utilizar alguns trechos aqui…

    Da série “Vamos falar sobre…”

    Logan* (3/3/2017)

    Para quem acompanha a saga dos mutantes mais famosos do mundo desde o seu 1° filme – no “longínquo” ano de 2000 – até agora, sabe o quanto o personagem Wolverine passou por adaptações. Voltando esses 17 anos no tempo é possível perceber o quanto eles arriscaram, acertaram e erraram (e como erraram!) com o baixinho mais invocado dos X-Men.

    Dito isso, fica fácil entender porque Logan consegue agradar tanto quem sempre quis ver o mutante mais sanguinário dos quadrinhos sendo ele mesmo, violento, visceral, amargurado e perdido em um mundo que ele viu mudar em quase 300 anos.

    O principal mérito do filme é colocar nosso protagonista em um cenário onde ele precisa lidar com os erros do passado, as necessidades do presente e poucas (eu diria nenhuma) perspectivas de futuro. Após tantos anos, batalhas e perdas, Logan está sentindo o peso de tudo isso. Física e psicologicamente. Mutantes não são mais uma realidade. Um evento misterioso (que mais tarde é mencionado que o incidente com o Xavier motivou um programa que “envenenou” o gene X) e colocou os mutantes em uma silenciosa porém inexorável extinção.
    Some isso a um Xavier com sinais claros de esclerose, perdendo o controle de seus poderes psíquicos e causando efeitos devastadores a cada crise, o surgimento de uma criança mutante com semelhanças assustadoras com nosso debilitado Wolverine e pronto! A receita para uma encrenca gigantesca.

    A violência é esperada. Cada um dos embates entre os algozes “Carniceiros” – ciborgues caçadores de mutantes que trabalham para uma empresa de pesquisa genética – e a dupla com ossos de adamantium gera sequências onde a carnificina rola solta. Destaque para um sequência que acontece mais para a metade do filme, onde as coisas rolam em um ritmo mais lento.
    As atuações estão memoráveis, destacando a de Patrick Stewart como Xavier velho, cansado e triste por ter visto seu sonho virar cinzas. Cada diálogo entre ele e o Hugh Jackman consegue arrancar todos os sentimentos ao mesmo tempo. Jackman também está sensacional, passando a cada momento toda a carga dramática capaz de nos convencer facilmente que ele sim é o Logan/Wolverine. Tudo de errado que aconteceu ao longo de tantos filmes conseguiu ser expirado nesse “último”. Último entre aspas já que o ator declarou estar “recolhendo as garras” desse papel. Pelo menos até alguém olhar os resultados da bilheteria…

    A jovem atriz que interpreta Laura/X-23 foi uma ótima escolha. Capaz de nos mostrar cada emoção apenas com olhares e expressões, seus momentos de fúria são tão convincentes que você prefere partir para cima do Logan pois sabe que vai sofrer menos.

    Mas nem tudo são acertos. A trama é fraca em parte de suas principais motivações, os vilões são desprovidos de carisma, além de serem jogados de uma maneira muito gratuita. E o pior não é isso. Soluções de roteiro que remetem aos mesmos erros de filmes anteriores do Wolverine me incomodaram. Adamantium destruindo adamantium?!?! Um inimigo com os mesmos poderes do Wolverine só que melhor?!?! Foram esses os erros dos dois filmes anteriores do personagem! Com uma galeria tão vasta de inimigos (como o Cyber, Ômega Red ou mesmo um Dentes de Sabre), porque/pra que? Os Carniceiros não atirando mas crianças pelas costas?!?! Só espero que, depois de passar todo o hype, mais pessoas notem essas falhas. Felizmente esses erros não conseguiram estragar a minha experiência mas para descobrir que o filme, apesar dessas escorregadas, ainda é o “primeiro e último filme do Wolverine”!

    Quem tiver oportunidade de assistir dublado eu recomendo. O trabalho está excelente e, para velhos saudosistas iguais a mim, ouvir o magistral *Isaac Bardavid* interpretar esse papel é uma afago no coração.

    Ah, sobre a classificação RATED R. Sim, o filme tem uma violência bem grande e explícita. Porém para por aí. Diferente de “Deadpool” onde o foco estava mais no humor negro, sexo e bizarrices, “Logan” foca no quão violento o mundo é, principalmente onde temos pessoas com garras afiadas e fator de cura. Dá pra levar as crianças? Não recomendo. Não é um filme de super heróis. Na verdade a decadência desse conceito é mostrada durante toda a história.

    Mais um cast maravilhoso, as participações dos convidados somando e um conversa excelente.
    Obs: GG leigo de Wolverine? Quem te viu e quem te vê…

    • GG

      Cara, até entendo você achar os vilões sem carisma, mas acho que seria dificil dar mais destaque aos vilões, pra gente empatizar mais com eles, e com isso diminuir o tempo de tela de quem realmente importava. Tipo cobertor pequeno. Na minha visão, eles escolheram certo em quem focar.

      E sobre eu ser leigo de Wolverine, cara, desculpa eu te decepcionar, mas eu sou leigo de todos os outros personagens também. Sempre fui uma criança ávida por quadrinhos, a ponto de não querer ganhar brinquedos de natal, e sim mais quadrinhos. Mas lembra da “saga do clone”, do Aranha? Foi ali que eu parei de ler. Vi que tava ficando viciado demais e cortei. Então tudo o que veio de lá pra cá eu não li. Repare que sempre que eu me manifesto sobre quadrinhos é sobre anos 80 (que eu comprava em todos os sebos que encontrava) e até o meio de 90. 🙂

      • Darth Paul Poor Traaais

        GG, acho que você está perdendo o feeling das coisas. Estava brincando contigo. Parei com quadrinhos antes de você, então minhas referências provavelmente estão um pouco mais “defasadas” que as suas. Mas esse não é o caso.
        Concordo que foi uma escolha focar em um outro tipo de conflito ao invés de apostar na “ameaça da semana”, mas isso só prova que não é possível ter tudo. Logan, na minha opinião fecal, não é um filme de heróis – apesar ter seus momentos de heroísmo – mas uma história sobre pessoas tendo de lidar com perdas, escolhas e o fim.
        Detalhe, sei que muita gente gosta de se imaginar “fazendo melhor” e mudando isso ou aquilo para deixar tudo aprimorado. Eu não mudaria nada pra não prejudicar a química entre Xavier, Logan & Laura que, pra mim, valeu cada seg do filme.
        Os vilões são bestas e/ou forçados? Ok. Passou batido! Pior teria sido ver mais uma trama épica sem nenhum conteúdo (Apocalipse… cof, cof…).

        Mas o que faltou vocês comentarem no programa foi que essa é uma oportunidade de ouro para a FOX fazer algo que a WARNER fez com o Batman. Quando Nolan fechou a trilogia do Cavaleiro das Trevas ele abriu as portas para novas interpretações do personagem. Vimos isso em B v S e em breve nos próximos filmes, como Mulher Maravilha e Liga da Justiça. “Logan” é o final de uma era que começou lá em 2000, com o 1° X-MEN. Agora eles podem seguir por diferentes caminhos, mais sérios como vimos nesse último filme ou até mesmo galhofa assumida, como em Deadpool; aliás Deadpool 2 promete ser ainda mais avacalhado que o 1°!

        Mas chega de cagação de regra. Vamos em frente que atrás só lavando com detergente!

  • Muito bom, podcrastinadores sempre no hype, e hoje ainda com o verdadeiro Voltor, o Tibério agora vai pode mostra toda a sua paixão, se já fico todo bobo com Diogo quem tem a voz “parecida”, imagina agora.

    Obs: Queremos mais participações das mulheres em outros podcasts, não só em um especial.

    • Tentamos, mas elas têm que querer também… hehehe

  • Sensacional pessoal, sempre muito bom ouvir o Podcrastinadores e foi impressão minha ou teve uma alfinetada na galera do MdM que fala que a Marvel não tem clássicos?
    Caruso vai perder a vaga lá em… rsrsrs

    Pessoal, só uma correção, não foi o Xavier que causou o fim dos mutantes, foi a empresa que clonou a X-23, o Dr. Zander Rice fala que ele foi o responsável por isso quando descobriu o supressor do Gene X e o colocou no xarope de milho que é base de quase todos os produtos industrializados, isso lá no conflito final; agora o incidente que feriu/matou 600 pessoas e matou 7 X-Men aconteceu um ano antes do inicio do filme, ou seja, em 2028 que deu o primeiro surto do Xavier, é o que fala no rádio quando Logan, Xavier e a Laura estão fugindo do hotel.

    Sobre o filme, concordo com vocês em tudo, é perfeito e é outro ótimo exemplo de que da para se fazer uma boa história original, sem ter que fazer uma adaptação literal de alguma obra já existente dos quadrinhos, apenas se baseando e respeitando a essência do que são os personagens que vão estar naquele filme, uma pena que a Fox só começou a notar isso com Deadpool e agora com Logan eu acredito e espero que tenhamos filmes melhores dos X-Men e que respeitem a essência daqueles personagens.
    Logan é o melhor filme desse universo X construído pela Fox e uma pena que ele seja a despedida do Hugh Jackman (que também errou no começo, o Origens teve dedo dele no roteiro, se não me engano.), vamos torcer para que agora os engravatados da Fox tenham entendido que da para fazer um filme sem seguir a cartilha de filmes de super-herói dos anos 80/90.

    • Hahaha Tudo na amizade, mas temos que defender o Caruso pq os caras perturbaram ele nesse episódio né?

      E isso, mesmo o Rice faz um discurso sobre a mudança do DNA dos alimentos e tudo mais ser responsável por isso. O Charles “só” matou umas 600 pessoas e 7 X-men… tadinho

      Mas tenho esperança na Fox… apesar dos filmes ruins do universo Marvel pré-Deadpool.

      • Perturbaram só um pouco, aqueles DCnautas marditos… rsrsrsrs

        Ah @Tibério, sobre os filmes da Marvel Studios são legaizinhos, mas confesso que já estou de saco cheio da formula padrão deles, tanto que dos filmes do ano passado deles, o Guerra Civil eu achei bem decepcionante, vocês falam que BvS foi um lixo, cheio de furos de roteiro, só que o Guerra também foi, a situação Martha também teve no da Marvel e ninguém ficou super puto como no caso do Bátema, ou vai falar que não foi tosco o Capitão travar só porque ouviu o nome “Bucky”? E o Zemo entrar numa instalação de segurança máxima da ONU só roubando o crachá de um cara que estava programado para ir lá? Ou o Zemo fazer uma limpa nos arquivos vazados pela Viúva no Capitão 2 e o Stark, que é caracterizado como gênio curioso e xereta, não ter pegos os mesmos arquivos e ter descoberto antes do vilão que o Bucky que matou os pais dele? E o Capitão invadindo uma prisão de segurança extrema, no meio do oceano só de calça jeans e jaqueta?
        Porque se for analisar o roteiro dos dois filmes, ambos tem a mesma estrutura e quase as mesmas situações, não sou fanboy nenhuma das editoras/estúdios, gosto do que a Marvel já fez (e que acho que precisa se renovar e inovar novamente para continuar a ser boa), assim como gosto do que a Warner tem feito na DC, bom, em partes né, porque o medo que os engravatados deles tem de resultados de pesquisas estragou o Esquadrão Suicida e atrapalhou o BvS cortando o filme da forma que foi cortado, se tivessem colocado a versão estendida nos cinemas, acredito que teria sido mais bem visto pela crítica e público.

        Forte abraço chefe, obrigado pelo ótimo programa.

        • Então cara, eu não me cansei ainda não. Não acho que é a mesma fórmula, pelo contrário, cada filme novo que sai fico com aquela cara: cacete, como os caras conseguiram fazer essa parada nova?!?! Sabe? O Caruso sempre usa a palavra “inventivo” e é inegável as cenas de ação da Marvel se comparada com a própria Fox ou Warner que parecem paradas no tempo. Olha que isso vem desde Blade 2 que tinha ninguém menos que Donnie Yen lutando!!

          Claro, os personagens cansam, tô na vibe forte aqui pela aposentadoria do Robert D Jr e a chegada de uma Riri e a saída do Evans… e logo!

          E apesar de defender a Marvel, é porque realmente acho os filmes melhores, sem clubismo. Inclusive o melhor filme de herói ever foi Dark Knight do Nolan e minha coleção de bonequinhos ou quadrinhos tem mais material da DC que da Marvel, mas o cinema tá ruim pra Warner. Li Esquadrão muito tempo para me decepcionar com o filme. Ah, e não aceito a desculpa de filme estendido depois e etc., saiu no cinema, saiu. Han Solo atira primeiro! Hahaha

          Por fim, a Fox tá errando feio nos X-men, First Class foi ótimo, mas depois o nível foi caindo e Apocalypse foi fraco. Sorte deles que o Deadpool salvou o universo!

          E cara, só agradeço pelo tempo dedicado de parar e comentar aqui, muito legal trocar ideia sobre tudo. Sempre que puder passa aí!

          Vou aproveitar e deixar uma foto dos meus bonequinhos novos!

          Qual versão mais legal, Andy Kubert (Frank Miller) ou Jim Lee?

          https://uploads.disquscdn.com/images/8b79b4aa405460fe8f513040b603e45c8b368f350e9ddc0d23cb0f7a0e790da2.jpg

          • Que estátuas lindas cara, as duas são bonitas demais, mas eu ficaria com a do Miller, gosto desse visual velhaco parrudo do Morcego.
            Ano passado entre o Guerra e o Dr. Estranho, gostei muuuuuito mais do Dr., o filme inovou e muito com a apresentação da magia no MCU, acredito que foi um grande incremento a esse universo, tentaram coisas novas e tal, o que achei meio chato foi por terem usado a base do roteiro do Iron Man 1, a mesma coisa fizeram com o filme do Homem-Formiga, essa coisa que falo que me cansou, sem contar o excesso de piadinhas, isso foi o que mais me incomodou no Guerra, tava lá uma cena tensa, tipo a cena de todos conversando depois da reunião com Secretário Ross, trocando ideia séria, bem tenso, já começando ali a divisão, ai BAM! do nada o Stark solta uma piadinha e acaba o papo e foi assim o filme todo.
            Não sou louco de te contrariar quando diz que a Marvel está acertando mais que a DC, é óbvio e inegável que está, mas gostei de ver que nem tudo precisa ser colorido e superdivertido para ser um filme de super-herói, mas também não da para ser tudo sem cor e sem humor, tem que existir um equilíbrio, também concordo que é um saco ver que existe uma versão melhor de um filme, mas que ela não vai sair no lançamento, só depois, é a mesma coisa dos jogos hoje em dia, nunca saem completos, é sempre uma sequência de DLCs para completar o jogo, isso é chato demais.

            Outra hora mando uma foto da minha coleção, não tenho nenhuma no celular ou na nuvem, mas tu viu o Batman baseado no Arkham Knight com skin do Batman do Miller que a Iron Studios divulgou? A coisa que eles aprontaram? rsrsrs

          • A Marvel era uns tempos de piada ruim sim. Tinha que ter alguém do lado pra falar: menos né? Aqui não…

            E manda foto da coleção sim. No finado abacaxivoador eu tinha uma coluna com uns reviews de figuras, mas bem antes do fim já não tinha mais tempo de fazer.

            Cara, vou procurar agora essa estatua da Iron aí de novo, mas se for a que tô pensando não curti muito não. Vou passar ela. No mais, tô gostando o trabalho que a Iron tá fazendo aqui e vira uma ótima opção contra a Kotobukiya nessa escala 1/10.

          • Exato, falta alguém para falar isso mesmo, colocar um freio no excesso de humor e fora do momento e contexto.

            Não cheguei a ver essa coluna de reviews de figuras, conheci o abacaxi começo do ano passado, mas entrava lá mais por causa do podcast. rsrs
            A figura que estava falando do Batman é essa aqui, https://goo.gl/3Y4IQC , com a falta de proporção da cabeça em relação o resto do corpo. rsrsrs
            Eu também gosto que a Iron tem feito, mas somente na linha Comics deles, tanto que a maioria das minhas peças são dessa linha, tenho só o Iron Man do Age of Ultron que é da linha baseado em filmes.

            Achei uma foto meio antiga aqui, mas como não fiz nenhuma aquisição no ano passado, ainda continuo com a mesmas peças, tenho ainda alguns Funkos POP. https://uploads.disquscdn.com/images/20bfca5e928e3bcfcf28d14295c0267891e105a1df4490ec998eaa44268c2e36.jpg

          • Coleção tá maneiras, exclusivos da CCXP aí nas pontas… hehehe Acha que não sei? 😉

          • Opa, consegui as duas primeiras edições, ano passado não fui mesmo com ingresso na mão, se não tentaria pegar o Dr. Octopus, formar um set bom do Aranha. rs
            Mas o Iron Man ai e o Aquaman tô colocando para vender, focar mais mesmo no universo do Aranha e em outros personagens que gosto, tô pensando em começar a comprar a coleção ArtFX+ da Koto (imagem) que começou a chegar por aqui, o Aranha clássico tão oferendo para mim por 360. https://uploads.disquscdn.com/images/1bf9b317399742c71800fc749208010c6e657eb8b0717fe4dd3f233d77655a22.jpg

          • Essa galera Aranha pela Kotobukiya já tô de olho desde que saíram as imagens. Só tô esperando mês que vem, pq sem dinheiro acho que eles não vão me dar. Hahaha

          • Então, estou na mesma situação, esse é um dos motivos que vou colocar o Iron Man e o Aquaman à venda, vou tentar fechar esse set do Aranha da Koto. rsrsrs

          • Um amigo meu tem loja, a http://www.groovytoyshop.com.br (mini jabazin…) e acho que vou comprar com ele, preço dele é bom e parcela no PayPal. rsrsrs

      • Desculpa pelo textão… rs

    • Macarena:primo do Catena

      Oloco

  • Presidente Exumador

    Ué, mas a Marvel não tem mesmo clássicos. Iludido é quem acha…

    • Onde que edita os comentários aqui hein 😉

      • Presidente Exumador

        O.o

  • Presidente Exumador

    Impressionante como o MdM consegue deixar o Caruso meio, digamos, êmedemizado…

    • Pedro Paulo

      Caro Exumador vc por aqui, me diga quando teremos um crossover dos podcrastinadores com a galera do Podtrash? Rsrsrs

  • Presidente Exumador

    Caruso, vc ainda não aprendeu nada com o Hell?

  • Filipe Bortoletto

    X-Men Evolution na abertura omg omg omg omg omg omg <3

  • Filipe Bortoletto

    A extinção dos mutantes se deu, além da caça promovida pelo Governo e pela empresa em questão, se deu também pelo xarope de milho que leva elementos que inibem o desenvolvimento do gene X (ouvi isso em algum podcast, não lembro qual).

    • No filme o Dr Arroz (olha aí o Easter Egg hehehe) diz que a mutação nos alimentos causou a extinção, mas não especificamente o xarope de milho, foi tipo um exemplo. Ele cita “comida e bebida geneticamente modificada”.

  • Henrique Santos

    Logan foi sensacional, me sinto como numa manhã de natal ainda, uma semana depois, agora discordando só um pouquinho, não só do Caruso, mas de todo mundo que eu vi falando do filme e afirmando que esse Logan não tem absolutamente nada a ver com Old Man Logan além da ideia do Wolverine velho atravessando os Estados Unidos. Não é tão desconectado assim na verdade. Claro, não é a mesma história, mesma trama e tal, mas eu peguei algumas referências sutis que me remeteram muito ao título.

    SPOILERS SPOILERS! MUITOS SPOILERS!!

    1. Em ambas as histórias alguém procura o Logan para transportar uma esperança para o futuro. No quadrinho é uma maleta cheia de soro de super soldado, no filme é unir a Laura aos seus companheiros.
    2. Nos dois casos, não existem mais heróis, no quadrinho é um ou outro descendente direto de algum mutante e no filme é a castração química de mutantes através do milho transgênico.
    3. Nas duas histórias tem o rompimento da esperança, no filme, o Éden é só uma história em quadrinhos e as crianças não vão encontrar nada do outro lado da fronteira provavelmente, afinal acho que não cabe com o filme a existência do lugar, e no quadrinho, o contato do gavião arqueiro era falso e tudo não passava de uma armadilha do Caveira Vermelho para garantir que não voltaria a existir uma era dos heróis.
    4. No quadrinho, ao final Logan pega um baby Hulk e a maleta de soro de super soldados para ele mesmo começar o recrutamento de pessoas heroicas pra começar a resistência, já no filme, apesar da morte do carcaju, pra mim foi perceptível um “Passar de bastão” da velha para a nova geração e naquele grupo de crianças mutantes de laboratório existe, ou existiria se esse filme não fosse uma história fechada, e espero que continue sendo. Aquele grupo é o futuro dos X-Men, de todo o legado deixado. Se contassem a história deles, seria justamente a tentativa de derrubada do esquema transgênico para parar a contracepção mutante.

    Então, realmente, não é a mesma história, mas eu senti essas principais 4 referências sutis a Old Man Logan na ideia geral do roteiro do filme.
    No demais, filme foda pra caralho, não aplaudia um filme no cinema ao final desde Mad Max. Podcast foda pra caralho também, não aplaudia um cast desde… mentira, eu nunca aplaudi um podcast haha.
    Forte abraço a todos.

  • Marcos Vinícius Feijó

    Bá, assisti muito X-men evolution na hora do almoço. Sentado no chão da sala, com o prato escorado nos joelhos.

    Pessoal mais raiz não curte essa animação, porque é muito infantilizada. Mas foi o que me inseriu no universo x-men.

    • Pedro Paulo

      Cara tamo junto, eu não gostava muito da primeira série animada, mas quando começou passar essa no SBT eu viciei, e até que não era tão infantilizada não, tinha umas tramas bem complexas cercando o tema adolescência e aceitação. Um dos episódios que eu mais curto é aquele que o Noturno ajuda o Forge a sair de uma dimensão paralela em que ele está preso desde os anos 70 rsrs.

    • Eu acabei não acompanhando Evolution na época, mas vi alguma coisa. Marcante pra mim mesmo foi a animação de 92. Essa sim eu via empolgado, mesmo repetindo os mesmos episódios TODO mês

  • Pedro Paulo

    Eu cresci vendo o Hugh Jackman na pele desse personagem e com a voz épica do Isaac Bardavid, que acredito que muito da paixão de nós brazucas pelo Wolverine se deve também a esse grande profissional da dublagem. Esse filme foi muito especial porque eu sinto que amadurecei junto com o Logan, é como se algumas daquelas marcas que o personagem possui por todo o corpo e espírito eu também as tivesse. Me emocionei muito com as interações do Logan com o Xavier, pois foi bem triste vê-los naquela situação após ter acompanhado durante anos o seu auge.

    O que mais curti foi o clima intimista que cercou boa parte do filme, sendo que achei bem legal o fato do Wolverine ter de literalmente enfrentar o passado que o machucou tanto na forma do seu clone, e aquela cena do futuro e passado se entreolhando sem reação eu achei genial. A Laura realmente foi um dos maiores acertos do filme, além da personagem ser bem badass, o que mais gostei da interação que ela teve com o Logan foi o fato de me fazer lembrar muito de um game de 2013 chamado “The Last of Us” em que os dois protagonistas, um homem e uma adolescente em um futuro pós-apocalíptico, possuem uma interação bem parecida com a vista no filme, com a diferença que a garota desse game fala o tempo inteiro, outra coisa é o visual dos personagens que lembra bastante.

    O final o “X” de X-men e “Weapon X” foi a cereja do bolo, eu vi junto com meu irmão e ambos ficamos sem palavras após os créditos finais. Enfim, esse filme foi uma despedida digna, que deixará saudades e mostra que ainda há muito o que ser explorado nesse gênero, sendo apenas necessária a presença de pessoas competentes em contar histórias, que entendam os personagens, e os explorem com criatividade e liberdade.

    Gostaria de indicar um filme do ano passado com o Mel Gibson, “Blood Father” que apesar de ser menor, acredito que quem curtiu Logan vai gostar bastante.

  • Pedro Paulo

    Eu cresci vendo o Hugh Jackman na pele desse personagem e com a voz épica do Isaac Bardavid, que acredito que muito da paixão de nós brazucas pelo Wolverine se deve também a esse grande profissional da dublagem. Esse filme foi muito especial porque eu sinto que amadureci junto com o Logan, é como se algumas daquelas marcas que o personagem possui por todo o corpo e espírito eu também as tivesse. Me emocionei muito com as interações do Logan com o Xavier, pois foi bem triste vê-los naquela situação após ter acompanhado durante anos o seu auge.

    O que mais curti foi o clima intimista que cercou boa parte do filme, sendo que achei bem legal o fato do Wolverine ter de literalmente enfrentar o passado que o machucou tanto na forma do seu clone, e aquela cena do futuro e passado se entreolhando sem reação eu achei genial. A Laura realmente foi um dos maiores acertos do filme, além da personagem ser bem “badass”, o que mais gostei da interação que ela teve com o Logan foi o fato de me fazer lembrar muito de um game de 2013 chamado “The Last of Us” em que os dois protagonistas, um homem e uma adolescente em um futuro pós-apocalíptico, possuem uma interação bem parecida com a vista no filme, com a diferença que a garota desse game fala o tempo inteiro, outra coisa é o visual dos personagens que lembra bastante.

    O final com o último salto “Wolverinesco” e com o “X” de X-men e “Weapon X” foi a cereja do bolo, eu vi junto com meu irmão e ambos ficamos sem palavras após os créditos finais. Enfim, esse filme foi uma despedida digna, que deixará saudades e mostra que ainda há muito o que ser explorado nesse gênero, sendo apenas necessária a presença de pessoas competentes em contar histórias, que entendam os personagens, e os explorem com criatividade e liberdade.

    Gostaria de indicar um filme do ano passado com o Mel Gibson, “Blood Father”, que apesar de ser menor, acredito que quem curtiu Logan vai gostar bastante.

    • Cara, a voz do Isaac “é a voz do Wolverine”, não tem jeito. A dublagem do Xmen Evolution, por exemplo, já me deixa confuso.

      E sim, Logan tá a cara do Joel, que por acaba é a cara do Nathan Drake mais velho… Nathan Drake é o Wolverine!?!?!

      A dica do “Blood Father”, Herança de Sangue, tá valendo.

      • Pedro Paulo

        Realmente já temos um ator para fazer as adaptações para o cinema dos jogos da Naughty Dog, Hugh Jackman é bem versátil rsrsrs.

        Queria também indicar uma série recente baseada no universo dos mutantes: Legion do canal FX que conta a história de David Haller o filho do Professor Charles Xavier, que é um mutante nível ômega (escala mais alta de poder entre os mutantes) com vários poderes psiônicos e que sofre de Múltiplas Personalidades. Eu estou gostando muito dessa série pois ela é diferente de tudo que já foi feito com relação a super-heróis na tv e no cinema, sendo que ela possui uma estrutura e ritmo próprio muito criativo, que explora muito bem as habilidades do protagonista, que por sinal é muito bem interpretado por Dan Stevens. Fica a dica!!!

        Queria deixar aqui também um desenho que fiz do Wolverine rsrs:

        https://uploads.disquscdn.com/images/c3aac53e693e02f75fbf50b51beb28d511b34790e9810dea31dc4097a042e2c7.jpg

        • Legion está dividindo opiniões… assumo que não vi ainda, até por isso…

          E animal, com duplo sentido, o desenho!!

    • Macarena:primo do Catena

      Cara, vc explicar o que é Last of Us com parênteses ainda, é heresia. Se nego não conhece esse jogo, não merece viver

  • Fernando Pellerin

    Morri de rir com os estras com o GG piradão,
    Natália Kreuser do Canal “Kreuser de Verdade” Palmas, Palmas,
    Episódio excelente parabéns!!!

  • Fernando Pellerin

    Morri de rir com os extras com o GG piradão,
    Natália Kreuser do Canal “Kreuser de Verdade” Palmas, Palmas kkkkk
    Episódio excelente parabéns!!!

    • GG

      Cara!! A gente tava falando da Lully antes! Eu surtei! Travou o cerebro completamente, o nome da Natalia não saía!

  • Adriano Messalas Granetto

    Qual o nome é artista da musica do começo do castelo após a leitura de emails? Grato

    • Pedro Paulo

      “Way Down We Go” – Kaleo

      • GG

        É que abre o tema é essa mesma. Obrigado, Pedro.
        Agora… “começo do castelo”? Que isso, Adriano? 🙂

        • Pedro Paulo

          Acredito que foi o corretor, devia ser só cast rsrs

          • É aquela música do Titãs… “Do castelo me despeço e vou…”

  • Lose yourself Éneas

    Logan é um encerramento perfeito, pegou aquilo que os fãs queriam do personagem, criou um roteiro amarrado e não muito engenhoso e fez um filme de Roadmovie ser um dos melhores de gênero dos super heróis, acredito que sim foi uma despedida digna e não acho que Hugh Jackman deva voltar, primeiro que já está na hora guardar as garras “O mundo já não é mais o mesmo” e depois de todo o marketing como sendo “o ultimo filme de Hugh como Wolverine” seria péssimo para o filme Logan se ele voltasse tiraria boa parte da importância que o filme tem

    • Rodrigo Freitas

      Com certeza, ele não irá voltar como Logan. Mas foi um filmaço, digno do personagem apesar de não ter um vilão foda igual o Coringa do Dark Knight.

  • Lose yourself Éneas

    E a destruição dos X mens o grupo a escola foi causado pelo Xavier, mas os mutunas em si foi além do Striker filho foi também causada pelo xarope de milho e outros alimento geneticamente modificados

  • Leonardo Santana

    Só eu que achei que o negão dos cavalos é o Soul Glow que perdeu a mulher pro Eddie Murphy em Um Príncipe em Nova York?

    • GG

      Rapaz… eu ACHAVA que lembrava bem desse filme, mas depois dessa reconsiderei. Nem depois do seu comentário eu sei de quem você tá falando. 😛

      • Leonardo Santana

        É o namorado da filha do dono do Mac Donalds genérico, a quem o Akin (eddie murphy) conquista

      • Macarena:primo do Catena

        Que heresia

    • Macarena:primo do Catena

      Poha. Já imaginou se existisse um site em pudessemos tirar dúvidas sobre filmes?
      Ja pensou se ele se IMDB?

  • Rivelino Cruz Do Nascimento

    Depois de ir assistir Logan finalmente pode escutar sem medo de spoiler esse episódio e Parabéns Ficou a altura do FILME , depois desse filme varias perguntas povoaram minha mente e as principais foram : Será que Fox finalmente achoou caminho p/ fazer filmes de heróis ? e outra questão por que o melhor filme do Wolverine tinha que ser logo o Ultimo ?, o útimo com Hugh jackman no papel , o ator que é Wolverine , o ator que conheci nesse papel ( e acredito que assim como maioria) e lá nos anos 90 quando assistia X- men nas manhã da globo(saudosa manhã da globo) e imaginava que ator poia fazer papel do Wolverine sempre imaginava Kurt Russel como Wolverine kkkkk MAS GRAÇA DEUSES DO CINEMA encontraram um ator a altura do personagem , voltando filme e gostei do clima Mad max do filme e a ligação entre Wolverine e Xavier, que a principio foi de um professor com aluno perdido , passou p/ dois amigos e no final virou de pai (Xavier) e filho( Logan) ,aquele tipo convivência que pai já está velhinho e com alguma doença degenerativa e o filho está lá prontamente ao lado do pai e p/ completar essa “familia torta ” aparece Laura como “filha do Wolverine ” com temperamento tipico dele e aí que ele vira o que Xavier foi p/ ele, a Laura me lembro muito Eleven (Strange Things ) obvio tirando selvageria dela mas ato dela atacar o vendedor por causa Pringles me lembrou Eleven com Waffles mas voltando p/ Filme , adaptação dos Carniceiros ficaram OK , até melhor que dos quadrinhos na minha opinião, aquelas crianças mutantes com poderes bem escrotos não minha opinião nem precisava e fato de ser Xavier um dos causadores da extinção dos mutantes foi um dos acertos do Roteiro , já que nos Hqs responsável foi Wanda ( que hoje está na Marvel), Se esse filme serviu p/ Homenagear Hugh Jackman também serviu p/ homenagear o Patrick Stuart , o que ele faz nesse filme é SACANAGEM, que bela homenagem a ele nesse filme com final digno ao Xavier e com Final alem de triste ,simbólico, bonito , Foi Digno do Logan, que morreu com uma coisa que ele nunca teve que era uma familia , uma filha ; esse filme tem convenio com os Malditos NINJAS CORTADORES DE CEBOLA kkk PQP kkkkkk E só dois pontos p/ encerrar minha longas palavras sobre esse episódio eu li OLD LOGAN pela edição Salvat , Que Caruso fala nesse episódio é a historia mais louca fascinante do Wolverine e me corrija se estiver enganado mas personagem X-23 foi criado p/ Animação X-men Evolution e fez tanto sucesso que levaram ela p/ outras mídias… Abraços a todos que participaram de mais um grande episódio do PODCRASTINADORES que assim como Wolverine são os melhores no que faz ….

  • Edgard Bartolini Neto

    Edgard – 38 Anos – Professor de Física – João Pessoa – Paraíba

    Ola Irmãos da Fraternidade Nerd viciados em series e filmes, escrevo
    este para externar para vcs, um grave erro babaca de roteiro para no
    fim do ultimo ato do filme Logan.

    Pensem comigo: Logan e os jovens mutantes quando estavam naquela base
    improvisada, no alto de um morro , estavam numa posição estratégica
    (vide isso também no fim da luta de Anakin e Obi-Wan no ep 3), então pq
    sair correndo por causa a vinda dos carniceiros. Porra!!! Logan já foi
    militar lutando em diversas guerras, poderia muito bem criar uma
    estratégia de defesa naquela base, colocando cada mutante em uma posição
    adequada, enchendo a subida da base de armadilhas, e quando os inimigos
    chegarem , eles teriam uma luta bem mais equilibrada e tendo vantagens.

    Ai vcs podem pensar pô só são crianças. ai digo, Foda-se, No filme
    Skyfall , na fazendo só tinha um casal de velhos (M e o amigos de James e
    o próprio James), ou pior, na serie de filmes esqueceram de mim, só
    bastou uma Criança (Kelvin) para entupir a casa de armadilhas. E após a
    vitória nesta base, as crianças poderiam sair de lá e ir atravessar a
    fronteira. Achei um desperdício a falta do uso dos poderes das crianças.

    No demais continuem este excelente trabalho e esperem mais emails meus.

    PS, diferente do que falaram, Logan não é o melhor filme de Super-Herói,
    nenhum ainda bateu o Superman de 1978, e se vierem falar que Superman
    fere as leis da física voltando o tempo quando gira a terra ao
    contrario, eu digo, fere porra nenhuma, pois o próprio filme abre uma
    licença para que ele possa fazer isso, mas isso é assunto para outra
    hora, se quiserem a explicação, entre em contato comigo, que faço
    questão de explicar, muito obrigado!!!)

    • GG

      Meu caro, tem uma falha na sua lógica que derruba todo o raciocínio: a molecada não saiu correndo pra fugir dos carniceiros. Eles nem sabiam que haviam sido localizados. Eles estavam indo atravessar a fronteira, somente isso. Quem percebeu antes que os caras estavam chegando foi o Logan, com o telescópio.

      E cara… se você tem uma explicação pra Terra voltar o tempo quando girada ao contrário, você precisa compartilhar isso. 🙂

      • Edgard Bartolini Neto

        Sabiam sim, Logan Falou, eles estão vindo atrás de vcs, , e mesmo assim, logam por ter experiência militar já deveria prever isso, caso ele não tiver falado.
        E ainda mais outra falha, só existia uma injeção de liquido verde? um boi tinha várias, e deixou uma com Logan. pq quando logam não estava preso no tronco com o peito furado, não deram outra para ele?

        • GG

          Eu acho que o “estão vindo atrás de vocês” era uma coisa genérica, e não “eles sabem exatamente onde vocês estão e já estão nos carros vindo pra cá”. By the way, os caras tinham carros caríssimos e não tinham helicóptero? 😉

          E o líquido verde era o resto que eles tinham. Pra eles, depois da fronteira não seria mais necessário. Então deixaram tudo pro Logan pra ele se curar.

    • Só adicionando meus 5 centavos aqui, também queria ver as crianças rasgando geral com os poderes no fim. Ali o filme perdeu o “round”. Concordo com o Edgard sobre isso.

      E melhor filme ainda é o Dark Knight! Batman >>> Superman!
      (Arrumando treta)

  • Macarena:primo do Catena

    Vai Rolar podcast de PowerRangers com o BryanCranston/Zordon sendo o Vermelho original a cena e flashback?
    Ja digo logo,a cena do Billy morrendo é lixo. O filme só se salva pelos atores originais do Verde e Rosa aparecendo E a pós crédito com o Tommy.

    O resto, lenga lenga lenga….

  • Márcio Sena

    Ei, hombres, como é o nome da música da abertura? Paaaa, pa, pa, pa, pa. Pa, pa, paaa.