Podcrastinadores.S05E02 – Podcrast Awards 2017

Depois de meses analisando todos os lançamentos de 2016, estamos de volta com o Podcrast Awards 2017!

O mais importante prêmio do cinema e da TV do Podcrastinadores ;), o Podcrast Awards vêm premiar os melhores e os piores do ano que passou.

Relembre as produções mais significativas e seus os momentos memoráveis, que no ano passado fizeram nossos corações transbordar de alegria. Ou indignação. 😉

Junte-se a nós para este episódio super especial, e conte pra gente aqui no post quais os melhores e piores de 2016 na sua opinião!


Links comentados nesse episódio:


Um agradecimento a todos que suportam os Podcrastinadores, especialmente aos nossos padrinhos Abner Oliveira, Adriano CavalariAlan MartinsAlan Tadini, Alberto Camilo, Alessandro Solari, Alexandre Böhm, Alexandre Cavalcanti, Alexandre Mendes, Alexandre Moraes, Andre Estrela, Anna Cruz, Beatriz CunhaBianca Ramos, Bruno Leuenroth, Camila Gildo, Carolina Lindoso-Neet, Caio Luiz Daemon, Carlos Eduardo Valesi, César Albuquerque LimaDiego Reis, Dierly Cordeiro, Eder Fabio Ribeiro, Eduarda Azevedo, Eduardo Starling, Eduardo Tomazett, Elieverson Santos, Emílio Mansur, Felipe Rodrigues, Felipe Zabin, Fernando Althof, Hugo NanniJosé Maria Leite, Leandro Bezerra, Leandro Medeiros, Leandro Tiefenbarher, Leonardo dos Santos, Leonardo Leão, Lionel Leal, Lisbino Carmo, Luis Alfredo Lopes, Luis Garavello, João Elias, Marcelo Petego, Marco Antonio Linares, Marcos Alves, Mario Rocha, Odirlei Fidelis, Otavio Oliveira, Pedro Paulo Pereira, Rafael Baldo, Ricardo Pires Ferreira, Rodrigo Dunley, Rogério Bittencourt, Rogério Manhães, Sérgio Salvador, Sidnei Santana, Thiago Cordeiro, Thiago Freire, Vitor Teixeira, Willian Castro, Wilson Santos e Ygor Souza.

Ajude a manter o nosso podcast você também. Até com 1 real você ajuda a aliviar nossos custos fixos. Entenda melhor como ser nosso padrinho aqui, e tenha nossa gratidão eterna, além de alguns outros benefícios que você descobre clicando no link. 🙂


Participe você também escrevendo pra gente: [email protected]
Queremos saber quem é você que nos ouve: vá em facebook.com/podcrastinadores e mande seu Like lá.

  • André Luiz

    Muito legal o episodio, mas para variar o volume das musicas este sempre estourando, mania chata

    • GG

      Salve, André. Olha só, nos nossos fones de ouvidos (de todos nós, que ouvimos sempre antes de ir pro ar), isso não aconteceu. É importante saber se isso é um problema pra mais pessoas ou se foi só pontual aí contigo, porque pelo que você deu a entender, acontece sempre.

      Mais alguém teve esse problema?

    • Rodrigo “Rod” Montaleao

      Poxa André, isso acontece sempre? Já ouvi com diversos fones e nunca percebi isso. Seria possível ouvir com um outro fone, emprestado de alguém mesmo, só pra ver se ainda assim acontece? Prezamos muito pela qualidade sonora, então esse tipo de coisa nos preocupa muito. ABS!

      • André Luiz

        Sim, acontece sempre, nos diversos episódios que já ouvi, mas pode ser que seja só comigo mesmo, alguma configuração do gerenciador de áudio talvez.

        Mas é só nos momentos com música, estão sempre com o volume alto, quando o pessoal esta conversando fica de boa.

        Curto pra caramba o trabalho de vocês

        Abraços

        • GG

          André, perguntei no nosso grupo de padrinhos no Telegram, e de todo mundo que tá lá, duas pessoas perceberam um volume nas músicas um pouco mais alto, mas sem estourar. Acho que é bem particularidades de fones de ouvido mesmo. Vou ver se dá pra evitar isso de alguma forma. Valeu!

      • JJota

        Olha, eu costumo baixar e ouvir no carro e, sim, `muitas vezes o volume da música incomoda.

  • Marcelo Vicente

    Fiz meu próprio drinking game: uma dose a cada vez que o Caruso fala “inventivo(a)”. Fiquei bêbado.

    • GG

      Um dia vamos lançar o “Bingo do Caruso”, pra vocês brincarem de marcar na cartela quando estiverem ouvindo o podcast sempre que ouvirem “inventivo”, “fuén”, tãnãnã…” 😀

      • Marcelo Vicente

        Se lançarem esse jogo junto com um programa sobre qualquer filme/série da Marvel, tenho certeza que vai ser um sucesso rs.

        Brincadeiras a parte,parabéns pelo excelente programa e por mais uma edição do prêmio mais importante do entretenimento. 😀

      • helvecioparente

        Defendo o “fuén”. Incluí essa experssão no meu vocabulário!

        • Hahaha
          Fuén é uma ótima palavra pra expressar um sentimento sobre algo fuen… sabe?

        • Rodrigo “Rod” Montaleao

          Precisamos dessa expressão para descrever alguns filmes e séries de forma rápida. “O que você achou de Luke Cage?” “Meio fuén” . Pronto.. já explicou tudo.

    • Rodrigo “Rod” Montaleao

      Hauhauhauha… boa! Certeza que saiu torto. 🙂

    • Que comentário inventivo! Parabéns

      • JJota

        *HIC!*

  • Me preparando pra escutar esse podcast, essa premiação muito maior que Globo de Ouro ou Oscar, e esse Oscar nem é o jogador pra ser o maior, #TibériusJokes kkkkkkk

    • Rodrigo “Rod” Montaleao

      Gente…. isso é contagioso. Essa foi Tibério total.

      • Excelente Washington!! Hahaha

        • #TibériusJokes mantra da vida >>>>>Buda>>>>>Jesus>>>>>Caruso

          • Putz, agora arrumei seguidores! Vou começar uma seita!
            Só entra que rir da piada do pavê!

          • Vamos botar em prática isso aí…
            Regras:
            1° Rir da piada do pavê
            2° Fazer trocadilhos
            3° Piadas em momentos inoportunos

  • Orra, eu gostei do Jared Leto no Esquadrão, só acho que prejudicaram o personagem com os cortes feitos no filme.

    Agora um filme que eu achei a maior decepção foi o Capitão América: Guerra Civil, fui com uma expectativa altíssima já que filme anterior tinha sido ótimo (melhor da Marvel para mim até agora.), ai chega na hora, é uma sequência de piadinhas fora de hora, uma história que não teve um impacto no MCU como teve o anterior, alguns furos feios e soluções absurdas (roubar crachá pra invadir a sede da ONU, “tenho uma mensagem do Bucky” ka-boom, Rogers invadir a Balsa sozinho e de jaqueta e calça jeans?), sem contar que, apesar de ser realmente muito legal e bem feita, se tirassem a cena da briga no aeroporto, não faria diferença alguma pro filme, já que a briga realmente séria entre Stark e Rogers acontece no final (para depois voltarem a ser amiguinhos de novo com uma cartinha)… Aff, sei lá viu, é um bom filme, mas não cumpriu o que prometeu.

    Comparando com o BvS, o que não aceito ficarem falando que o filme é péssimo, tem a mesma trama, só que mais colorida, cheia de piadas, mas sem a mesma coragem que o filme da DC (o Capitão tinha que ter morrido nesse filme.), e os furos que a edição dos cinemas tem, na versão estendida resolvem praticamente todos eles, não torna um filme épico, mas melhor ainda, entre BvS e o Briga Civil, eu fico com o BvS.

    • helvecioparente

      Caro Simbionte, você acha certo um filme precisar de uma versão estendida para “consertar furos”?
      Pra mim, o filme é o filme. O que passou no cinema.
      Entendo quem prefira BvS (minha filha preferiu BvS!). Mas, na minha humilde opinião, Guerra Civil cumpriu melhor o papel no cinema.

      • Não acho certo, se tem um bom filme com 3 horas de duração, lança o filme de 3 horas de duração, comercialmente falando eles pegariam menos salas de cinema, mas pelo menos veríamos um bom filme logo de cara.
        É frustrante pegar um filme que vc vê claramente que sofreu cortes para encaixar no tempo comercial que a produtora quer que tenha, o Era de Ultron tem a mesma falha na minha opinião, tem muito corte e muita coisa ocorre do nada, sem explicação, se não me engano o próprio Joss Whedon falou que o filme original tinha quase 3 horas.

        E eu gostei mais do BvS por um simples motivo, já enjoei da formula Marvel, não que isso torne os filmes ruins, sei que vou ver um filme razoavelmente bom, mas não tem mais aquela expectativa de novidade ou inovação, é sempre a mesma, por isso que não ligo de ver spoilers dos filmes da Marvel, pq eu nem mais considero spoiler, é tudo muito previsível. Com a DC/Warner eles pelo menos estão tentando fazer algo diferente, algo que mais arriscado, pena que a grande maioria quer sempre mais do mesmo e tem medo de ver algo diferente nos cinemas, ai acontece o que aconteceu com o Esquadrão, que da para ver claramente que as refilmagens que ele passou foi para colocar mesmo mais piadinhas e dar um tom mais colorido ao filme.

        • Rodrigo “Rod” Montaleao

          Discordo desse negócio de “fórmula Marvel”. Existe sim uma linha mestra, até porque observamos a criação de um universo gigantesco, com 14 filmes interligados até agora. Você não alcança esse tipo de coisa sem um plano, sem algo te guiando como unir tudo isso.

          Mas daí a chamar todo esse esforço de composição de universo interligado, algo jamais visto na história do cinema antes, de fórmula, é um pouco injusto. Pensa na ousadia e coragem que foi preciso pra criar (e aprovar) um plano desses com os executivos. Não é pouca coisa.

          E só pra fechar, não podemos esquecer que tivemos pelo menos 3 filmes que mostram que essa coisa de fórmula é furada: Guardiões da Galáxia, Homem Formiga e Dr. Estranho. Os 3 foram completamente diferentes e apostaram em personagens que ninguém conhecia direito. Isso é ousadia, é pensar fora da caixa. E ainda vem Pantera Negra e Capitã Marvel por aí. Do meu ponto de vista, o studio que faz isso é tudo menos previsível ou formulaico.

          • Não discordo de você Rodrigo, esse Universo Compartilhado Marvel nos Cinemas é incrível e lindo de ver que está acontecendo e que bom que deu certo, mas minha crítica não é com relação a isso, mas sim como são as estruturas dos filmes Marvel, que tirando os filmes dos Vingadores e o Guardiões da Galáxia, todos os filmes tem basicamente a mesma estrutura de roteiro, que seria a base de estrutura do roteiro do Homem de Ferro 1, como maiores exemplos disso, são os dois melhores filmes da Marvel nos últimos dois anos, Homem-Formiga e o Doutor Estranho, que tirando as suas peculiaridades, seja por mostrar miniaturizações ou dimensões paralelas e magia, ainda sim tem como base estrutural o roteiro do HdF1, que no começo mostra o herói imaturo, ai passa para ele no treinamento e depois se firmando como o herói, envolto a piadas pontuais e uma pitada de romance, um vilão ganancioso e sem escrúpulos, entende? Essa é a minha crítica, não ao maravilhoso planejamento desse grande universo compartilhado.
            Porque agora o que temos é “somente” a integração de novos personagens, mas aquela surpresa de ver um filme Marvel não tem mais, já sabemos como ele vai começar e como vai terminar, eu esperava que o filme do Doutor Estranho fosse o mais diferente, de modo geral não foi, mas repito, não estou dizendo que isso é ruim, é que não temos mais surpresas, espero que os filmes do Homem-Aranha, Pantera Negra e da Capitã Marvel fujam dessa estrutura base de roteiro, que o estúdio volte a surpreender e arriscar mais como fez no começo e que tenha filmes menos previsíveis e formula base.

    • Em minha maior decepção foi Esquadrão mesmo. Minha expectativa para o Guerra Civil e BvS eram menores, mesmo assim Guerra Civil teve menos problemas que BvS ao meu ver.

      Agora, bom ponto, a Marvel vai ter que ter mais coragem para matar os personagens, o terreno tá sendo preparado pra isso nos quadrinhos. Homem de Ferro, War Machine… eles têm que ser substituídos em algum momento.

      Anyway, vamos combinar que a Warner também não tem coragem nenhuma pq a morte do Super não foi morte né?

      • Eu acredito que se tivessem matado o Capitão no final do Guerra, teria sido muito mais impactante e ai só trazer ele de volta no Vingadores Guerra Infinita e mesmo assim de uma forma que fosse temporária, afinal, da se usar a joia do tempo, como o Dr Estranho voltando em algum momento do passado para pegar o Steve antes dele morrer, ou até mesmo a da realidade para traze-lo de volta, depois deixar o caminho livre para quem sabe o Bucky assumir o manto do Capitão nos cinemas também.

        Ah sim, ao mesmo tempo que foi corajosa, não foi, porque logo em seguida deu aquela amostra de que ele irá voltar, se tivessem deixado só o caixão sem mostrar a terrinha levitando teria sido muito mais interessante e só ai no filme da Liga mostrar ele voltando, além do mais, todos nós sabemos que nenhuma morte é permanente nos quadrinhos, porque os filmes devem ser?

        • Olha aí cara, comprei seu roteiro de Guerra Infinita hein!!
          Simbionte para Marvel!!

          Agora, será que no MCU quem assumiria seria o Bucky igual quando o Capita morreu ou o Sam Wilson como atualmente? Eu apostaria no Sam pra ficar mais perto dos quadrinhos.

          Assim como acredito (e torço) pela saída do RDJr para entrada de uma Riri Williams. Ia ser foda!

          • Isso ai Tibério, não tem como manter para sempre o Chris Evans no papel ou o RDJr, principalmente o Jr já está quase virando Senior não? rsrsrs
            E depois que os atores saírem por terem ficado com uma idade avançada, não seria legal fazer um reboot ou ficar recriando digitalmente com a aparência jovem apenas para mostrar o rosto que publico está acostumado, esses personagens tem que ganhar vida nos cinemas da mesma forma que James Bond ganha, que a acada filme é o mesmo personagem do filmes anteriores e que carrega aquela história anterior, mas somente o seu interprete que muda.

            Olha, sobre quem deveria assumir o manto do Capitão agora, acho que seria melhor mesmo o Bucky e depois o Sam, seguir a mesma trilha que os quadrinhos seguiu, aumentaria o tempo de vida do personagem nos cinemas e daria chance ai depois de voltar com o Rogers, mas com um ator diferente no papel.

            No caso do Homem de Ferro já não sei o grande publico aceitaria uma mudança assim, tirar Tony e colocar alguém tipo a Riri, teríamos que já ter algum personagem apresentado no filme 3 do HdF ou fazer mais um filme com o RDJr para fazer essa apresentação e passagem de tocha, e não acho que daria para fazer isso em um filme dos Vingadores ou de outro personagem que apenas mostre o Tony fazendo essa passagem.

    • JJota

      Acho Guerra Civil melhor, que BvS, mas, realmente, foi bem decepcionante depois de Soldado Invernal. Estou agora com um pé atrás sobre o p´roximo Vingadores…

      • Confesso que também estou com um pé atrás viu, é até melhor ficar com receio, pq ai se for bom é uma grata surpresa, mas se for ruim não vai fazer diferença.

  • Darth Paul Poor Traaais

    Estou até agora tentando entender porque ninguém notou que a Wynona Ryder, dada a “experiência” no assunto, ROUBOU o prêmio do Demogorgon!

    • Rodrigo “Rod” Montaleao

      Usamos essa no episódio sobre “Bagulhos Sinistros”. 🙂

  • Darth Zveiter

    estou abandonando o podcast

    ñ ligo em vcs terem opiniões diferentes da minha mas vcs estao exagerando no marvetismo e esquerdismo ,acaba ficando chato

    pior que acho vcs bons ,são engraçados e o programa caminho com fluencia ,mas parece que querem limitar o publico a marvetes e esquerdistas

    talvez vcs estejam achando que a bolha social de vcs é o mundo ,mas ñ eh

    adeus

    • GG

      Salve, Darth. Tomara que você volte aqui pra ler essa resposta.
      Que pena que isso te incomodou a ponto de você desistir de acompanhar o podcast. Realmente, o lance da balança pender pra Marvel eu já desisti de tentar evitar, porque até eu já reconheci que a Marvel está numa fase melhor que a DC no cinema (ainda que eu até hoje ache que a trilogia do Nolan bata todos os filmes da Marvel, mas sei que sou uma voz solitária no grupo. 🙂 Então ok, compreendo completamente que rotule o grupo como marvetes.
      Agora… esquerdistas? Me ajuda a entender? Essa observação nos confundiu não apenas pela gente tentar evitar posicionamentos políticos nos episódios, mas porque a maior parte de nós sermos o oposto disso. Então entendemos que política não devemos discutir porque nós não somos uma unanimidade nesse quesito, e já tivemos algumas discussões mais calorosas a esse respeito na vida real. 😉
      Então conta pra gente, de onde veio essa observação? O que falamos que mexeu tanto com as suas convicções políticas a ponto de abrir mão de um programa que, segundo seu email, você estava gostando? Foram as críticas ao Trump?
      Respeito sua posição, e nem vou tentar te convencer do contrário, não se preocupe. Não sou um cara chato. Só queria mesmo entender de onde veio, até pra ficar mais atento no futuro.
      Abração, e obrigado pelo email!

      • Ei, pra mim Dark Knight foi o melhor filme de herói até hoje, praticamente junto com o Batman de 99. Só que realmente o Begins e Returns não curto, principalmente o ultimo.

      • André Luiz

        Infelizmente GG pra uma galera mais extremada qualquer menção a direitos humanos, tolerância, protagonismo feminino ou qualquer minoria é coisa de esquerda, marxismo cultural, globalismo, George Soros, Iluminati e demais bobagens.

    • Henry Kristow

      Chorão do caraio, vai pro MDM que é terra de deceneco recalcado como o réu este que vos baba.

  • Rivelino Cruz Do Nascimento

    A Melhor Premiação do ano , as melhores categorias e candidatos , oque é Oscar ,Globo de ouro ou troféu Imprensa perto Podcrast Awards e só observação Concordo Com Caruso o Premio não ir p/ Melissa Benoist é Injusto …. merece uma recontagem kkkkkkk

    • Rodrigo “Rod” Montaleao

      Tá vendo GG, Helvis e Tibério? O povo clama por justiça! Melissa Benoist campeã moral do Podcrast Awards 2017!!

    • OLHAÍ OLHAÍ!!!
      E ainda há quem me chame de Marvete Safado!!!

  • Só avisando que mês que vem vou virar Padrinho o/

    • Show!

    • Rodrigo “Rod” Montaleao

      Wel come Washington! (na linha das piadas do Tibério).

    • Woohoo!!! Primeiro podcast patrocinado por Washington!!!!! A gente tá muito importante mesmo!

      • GG

        Se ele for o Washington DC você ainda vai continuar gostando dele, Caruso? 🙂

  • Radoc Lobo

    Sobre o casal de Rogue One
    Se o cara quer e a mina não quer, não é um casal. É bobagem chamar assim. A cena da praia ia ter um “clima” de qualquer jeito, eles acabaram a missão e estão assistindo um explosão vindo na direção deles. Eu daria a mão para qualquer um.

    Esquadrão Suicida construiram seu hype, principalmente o Jared Leto que toda semana fazia algo para mostrar sua “loucura”

  • Tiago Andrade de Farias

    Muito bom o podcast de vcs. Pena não ser semanal.

  • Mr. Cai cílios

    Ahhhh velho….. pior abuso de CGI na luta de BvS é maldade. A cena do aeroporto de guerra civil foi foda, mas não tinha um ator ali. Quando aparece a cabeça do tony stark ela parece que está ”flutuando” em cima da armadura. O próprio Dr. estranho quando entra personagem de CGI é bem mais feio. Tendencioso hein podcrast!