Podcrastinadores.S04E13 – Filmes Guilty Pleasures

Depois do sucesso do episódio Séries Guilty Pleasure, vem agora a versão Filmes Guilty Pleasure, ou seja, os filmes que a gente tem, digamos, um pouco de vergonha de admitir que gostamos muito. 🙂

Sabe aquele filme que você ficava constrangido de entregar para o tio da locadora na hora de levar para casa? Que na roda de amigos todo mundo torcia a cara quando era mencionado, incluindo você, mas com o coração apertadinho por dentro? Que o DVD tá lá no final para ninguém ver quando for na sua casa? Então, esse mesmo.

É hora de abrir o coração e revelar quais são os filmes que Fernando Caruso, Gustavo Guimarães, Helvecio Parente, Rodrigo Montaleão, Tibério Velasquez e as convidadas Aline Hermann e Renata Castro têm vergonha de admitir que gostam, e assistem tantas quantas vezes estiverem passando na TV.

Ouça e comente!

Links relacionados a este episódio:

Agradecimento a todos que suportam os Podcrastinadores, especialmente aos nossos padrinhos Alessandro Solari, Anna Cruz, Bianca Ramos, Camila Gildo, Carolina Lindoso-Neet, Caio Luiz Daemon, César Albuquerque Lima, Daniel Machado Jr., Dierly Cordeiro, Eduardo Starling, Eduardo Tomazett, Elieverson Santos, Emílio Mansur, Felipe Rodrigues, Felipe ZabinJosé Maria Leite, Leandro Medeiros, Lionel Leal, Lisbino Carmo, Luis Alfredo Lopes, Luis Garavello, João Elias, Marco Antonio Linares, Marcos Alves, Mario Rocha, Rafael Baldo, Raphael Moussalem, Ricardo Pires FerreiraRogério Bittencourt, Sérgio Salvador, Thiago CordeiroVitor Teixeira de Souza, Willian Castro e Ygor Souza.

Ajude a manter o nosso podcast você também. Até com 1 real você ajuda a aliviar nossos custos fixos. Entenda melhor como ser nosso padrinho aqui, e tenha nossa gratidão eterna, além de alguns outros benefícios que você descobre clicando

Participe você também escrevendo pra gente: [email protected]
Queremos saber quem é você que nos ouve: vá em facebook.com/podcrastinadores e mande seu Like lá.

  • vou assistir Quero Ser Grande e De Repente 30 de novo, valeu pessoal

    • GG

      Pô, todo meu convencimento pra contar sobre o 17 Outra Vez não serviu de nada? 🙂

      • cara, eu não achei legenda dele pra baixar, achei o filme apenas, mas confesso que fiquei curioso pacas pra ver ele novamente, até pq quase não lembrava de nada dele até vc falar. Os únicos que tinham na Netflix são esses dois infelizmente.

      • sem falar que esses dias assisti novamente Clube dos 5, Namorada de Aluguel e te pego la fora exatamente por ouvir um dos casts aqui do podcrastinadores, e como a dublagem de antigamente e o original em inglês/legenda pra mim deu uma repaginada no filme novamente.

      • Eduardo Starling

        Serviu pra eu nao ver… Zac Effron não rola… 😀
        (mentira, eu já vi esse filme… Gosto desse gênero também, meu predileto é o Big)

  • Faço como uma amiga e digo que “não acredito em guilty pleasures pq não tem nada a ver sentir culpa em algo que te dá prazer”. Mas super curtimos uns filmes bem ruins, claro!

    • ISSO É TUDO CULPA DA IGREJA CRISTÃ

      • Hahaha. Em sua defesa, eu adoro Mama Mia e acho o máximo o 007 dando uma de Sidney Magal.

        Além disso, esse Frank Dux é conhecido no mundo das artes marciais como uma das maiores fraudes do esporte. =D

    • helvecioparente

      Os outros escolheram filmes ruins. O meu é cult…

  • Henrique Santos

    Para tudo! Eu preciso saber quem é a loirinha pagando calcinha na capa do cast e referência a qual filme citado!
    Kkkkkkkkkkkkkkkk
    Mas sério, tô curioso.

    • Carla Gois

      É a Amanda Seyfried, que fez o filme que o Caruso gostou. 🙂

      • Carla sabe tudo!

      • helvecioparente

        Amanda Seyfried, mas não no Mamma Mia…

  • Carla Gois

    Own, seus lindos… meu tipo predileto de tema!! <3

  • sapobrothers

    Se essa história de gago “se curar” falando cantado significa que não existe catarinense gago?

    • Rodrigo “Rod” Montaleao

      Rsrsrsrs.. faz sentido!

  • sapobrothers

    Poxa… A Múmia é um Guilty Pleasure? É um dos meus filmes favoritos (o primeiro, pelo menos).

  • sapobrothers

    17 outra vez tem a vantagem da participação da Leslie Mann…

    • helvecioparente

      E tem um coadjuvante fã de Star Wars. Esquecemos de mencionar isso…

  • Eduardo Starling

    Vcs zoando o Caruso por Mamma Mia, mas podia ser BEM pior: Stricly Ballroom (aquele filme australiano do Baz Luhrman). E o pior é que me amarro naquele filme.

    • Hehehe Faz parte do universo guilty

  • Marcos Vinícius Feijó

    Pô, os filmes de trocar de idade me lembraram os filmes de trocar de corpo. Meu guilty pleasure é o “Hot Chick” do Rob Schneider.

    • Hahahahahahah Beeeeeeem guilty!!! Parabéns pela coragem de compartilhar com o resto da turma!

      • Hahaha Cara, eu tenho problemas com o Rod Schneider, sei lá, só achava ele mais ou menos engraçado no SNL.

  • Não é que ficou legal? Valeu pelo video!

  • Ah pessoal, maioria dos filmes não é guilty pleasures, na verdade são os velhos clássicos, são grandes filmes. rsrsrs

    • Que bom que você curte as mesmas porcar… quer dizer… filmes que a gente!

      • São umas porcarias, mas são melhores que muitos filmes de hoje em dia, bom, nem todos da lista que vocês apresentaram, mas alguns é bem melhor que as coisas que temos hoje. rsrsrs

  • Augusto Ganzert

    Esse foi um dos episódios que eu mais gostei de escutar.
    Gosto de muitos filmes que são muitas vezes considerados ruins ou então subestimados pela crítica especializada. Sabem o que eu falo para os críticos? “Hoje não!” Gosto dos filmes d’A Múmia, dos filmes d’O Escorpião Rei, Van Helsing, A Liga Extraordinária, Capitão Sky, etc. Acho que se o filme consegue me divertir e me entreter não existe motivo para eu sentir culpa pelo prazer que ele me faz sentir. Mas nem por isso vou abandonar qualquer senso cítico que aprendi a ter.
    Como diria o filosofo grego Epicuro: “A felicidade pode ser atingida por prazeres moderados e que esses prazeres trazem um estado de tranquilidade. Apesar de se basear na realização de desejos, quando são exacerbados, podem ser fonte de perturbações constantes, dificultando o encontro da felicidade, que é a manutenção da saúde do corpo e a serenidade do espírito.”
    Eu ainda espero ouvir o que vocês vão falar sobre os filmes de lobisomens. Um abraço com a Força.

    • Olha só, bonito isso hein! “A felicidade pode ser atingida por prazeres moderados e que esses prazeres trazem um estado de tranquilidade. Apesar de se basear na realização de desejos, quando são exacerbados, podem ser fonte de perturbações constantes, dificultando o encontro da felicidade, que é a manutenção da saúde do corpo e a serenidade do espírito.”

      Eu prefiro a do Severiano Ribeiro: “Cinema é a maior diversão” e as vezes podemos sim nos divertir sem se preocupar com essas coisas.

      Valeu Augusto

  • JJota

    Achar a Meryl Streep atraente conta como guilty pleasures?

    • Hum… Em que ano? hehehe

      • JJota

        Bom, quando ela era uma jovencitacom menos de cinquenta era fácil…

  • Só vim aqui pra dizer duas coisas: 1ª Ótimo Trabalho, estão de parabéns e 2ª Façam um crossover com o MdM já !!!!!!!!!!!